04 maio 2014

uma tosta de felicidade

A felicidade é bonita. Há tratados sobre a felicidade. Não sei de certeza, mas deve haver um Happiness for dummies nas prateleiras das bombas de galisona deste mundo todo. Frases feitas e constante busca pela dita da felicidade mais músicas para todos os gostos. E mais e mais filmes e documentários. 

Ora, para mim felicidade era asfaltarem a Rua da Maternidade no Porto, Portugal. Mesmo ali em Cedofeita. Era isso e uma caixa de Guyllian. 

O velhote dizia que a felicidade era o que cada um queria que fosse. Parece-me que o meu jogo de cartas mudou. Agora só quero coisas simples. E fáceis de pedir. 

No entanto, nem assim. Nem assim. 


(este post foi o mais perigoso de todos)

Lu 

Sem comentários:

Enviar um comentário